Minha vida de corredor - Eduardo Hanada


1a. Meia-maratona de Brusque / SC


1a. Meia-maratona de Brusque / SC

Semana da meia-maratona e eu ainda não havia decidido se participaria ou não. Não havia me preparado o suficiente para uma corrida mais longa. Mesmo assim, com as palavras de apoio dos amigos decidi encarar mais esse desafio, apenas 4 dias antes da prova.

Tinha tudo para ser um desastre, pois até a véspera da prova ainda estava um pouco gripado e sem aquela ansiedade e expectativa que geralmente esses eventos costumam nos dominar. Uma das razões que fizeram eu decidir correr foi a possibilidade de retirada do kit no dia da prova, pois se realmente tivesse que retirar na véspera eu não iria.

Dia da prova. Acordei às 4 horas da manhã para o meu ritual de preparação: banho, café, arrumação dos acessórios, etc. Quando olhei pela janela só vi chuva, que veio se arrastando a noite inteira. Dessa vez quase desisti mesmo, mas louco por corridas é assim mesmo. Vamos até sob chuva e frio. Haja determinação. Peguei a estrada com muita chuva rumo a Brusque. Ora a chuva melhorava ora piorava. Eu só estava torcendo pra que ela parasse na hora certa.

A entrega dos kits iniciaria às 6h45min e foi um pouco depois que consegui chegar. Aí começou toda a minha preocupação. Nenhuma sinalização para o local de retirada do kit e da largada da meia-maratona. Nenhum telefone para consultar. Ninguém sabia bem ao certo de nada. Tudo muito confuso e sem definição alguma. Depois de quase uma hora rodando e perguntando, finalmente encontrei com o Sérgio e conseguimos chegar no local da largada, agora debaixo de muita chuva. Retiramos o kit e já nos preparamos para a corrida.

Como o acesso foi difícil pra todos, a corrida acabou atrasando pelo menos uns 30 minutos, ocorrendo próximo das 9 horas (inicialmente estava programada para as 8h30min). Pelo menos gostei do relógio com a marcação do tempo na chegada e o controle feito com chip. Aliás, foram 2 chips.

Dessa vez larguei bem moderado, pois sabia que não estava preparado para os 21 Km em um ritmo mais forte. Meu objetivo era fazer a meia-maratona abaixo das 2 horas, mas no meu íntimo eu queria mesmo era fazer abaixo de 1h55min. No início da prova passaram por mim o Sérgio e o Masato Komati, que estão de parabéns e fizeram uma excelente corrida. Decidi não acompanhá-los, pois estavam em ritmo mais forte.

O percurso praticamente todo plano e se estendendo por boa parte da Av. Beira Rio favoreceu bastante aos atletas, que ainda contaram com uma trégua da chuva e sem ventos. Para a meia-maratona seriam 2 voltas. Fui decidido a ir cadenciando o meu ritmo por km, mas depois das primeiras sinalizações de kilometragem, as marcações foram ficando todas confusas e sem nexo. Realmente não deu pra entender.

Nessa corrida, após os 10 Km iniciais não consegui mais ultrapassar ninguém, e só fui sendo ultrapassado aos poucos. Nesses primeiros 10 Km consegui manter um pace por volta de 5 min/km, o que me deixou bem satisfeito. Mas com já imaginava, na segunda volta da prova o rendimento começou a cair. Para manter o mesmo ritmo o esforço tinha que ser bem maior. Ainda fui tentando manter até o km 13, mas forçar a essa altura iria fatalmente comprometer o final da prova. Aos poucos fui diminuindo o ritmo, mas não perdendo o foco no tempo. Às vezes ameaçava chover mais forte, mas ainda bem que não ocorreu. Estava ficando frio e as minhas pernas pareciam ficar mais duras. Perdido nas kms mal sinalizadas não sabia bem ao certo o quanto faltava e conforme vai chegando na parte final isso vai se tornando mais crítico.

Após os 15 Kms outra decepção. Não havia mais água nos pontos de distribuição. Havia acabado. Eu até não senti muito, mas via o pessoal passando pelos postos bem decepcionados. Hidratação em uma prova como essa é fundamental. Ainda mais para as pessoas que estão lá dispostos a superar os desafios.

Já em ritmo de me manter fui correndo tranqüilamente até o 18o. Km. Aí decidi tentar gastar os meus últimos cartuchos e buscar uns atletas que estavam um pouco a minha frente. Triste ilusão. Primeiro sinal de câimbra e de fadiga nas pernas. Por pouco não tive que parar.  Reduzi o ritmo novamente e fui levando até o final, mas com todo cuidado... Nos últimos 10 metros até deu pra ultrapassar um atleta como um último suspiro.

Logo em seguida encontrei com o Diego, que encarou a 2a. meia-maratona em 1 semana, e o meu colega de trabalho José Carlos que completou também muito bem a prova.

Consegui chegar no tempo pretendido e fiquei bem satisfeito. Ainda mais sabendo que provavelmente essa meia-maratona teve mais de 21 Km. O meu sportband apontou 21,7 Km. O GPS de outros conhecidos apontou aproximadamente 22 Km. Mas que seja 21 Km, estou bem contente.

Na chegada outra frustração. Água controlada para os atletas e só !!! Nem frutas havia. Ta certo que é a 1a. Meia-maratona de Brusque, mas podiam ter caprichado um pouco mais na organização.

Pontos a melhorar:

- Responder aos e-mails com dúvidas dos atletas

- Sinalizar o local da retirada do kit e da corrida

- Sinalizar adequadamente as marcas da kilometragem

- Disponibilizar um telefone de informações

- Não economizar em água em uma prova de meia-maratona

- Disponibilizar pelo menos frutas na chegada dos atletas

Também teve os pontos positivos, como o excelente percurso, o preço, o controle por chip (que disponibilizou o resultado logo em seguida), a camiseta, o jantar de massas (não fui, mas disseram que estava muito bom).

Torço para que a 2a. Meia-maratona de Brusque, se houver, se preocupe com essas considerações.

Até São Pedro de Alcântara !!!

 

Percurso pela Av. Beira Rio em Brusque

Não chega nunca !!!

Uma última ultrapassagem e o registro da chegada

Eu e o José Carlos

Muito cansado, mas contente

Diego e eu

Data: 01/08/2010 - Hora: 8h30min

Local: Av. Beira Rio - Brusque / SC
Distância: 21Km (21,7 Km)

Inscrição: R$ 25,00
Kit: camiseta, chip e número do peito

Tempo: 1h55min07s
Pace: 5:18 min/Km

Colocação: 24 de 29 (categoria 40-44)
Colocação: 156 de 198 (masculino)
-
Colocação: 180 de 232 (geral)



Escrito por Eduardo Hanada às 18h57
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




17a. Corrida Rústica INPLAC 36 anos - Biguaçu / SC

17a. Corrida Rústica INPLAC 36 anos - Biguaçu / SC

Domingo de corrida. Não sei porque, mas dessa vez não estava tão ansioso para ir. Estava tão cansado que acabei acordando atrasado. Não ouvi o despertador tocar. Quando acordei já estava na hora de sair. Banho, café da manhã, roupas e os últimos detalhes para a corrida: tive que fazer tudo voando. Cheguei em cima da hora, mas cheguei.

Peguei o meu kit com a camiseta e logo os ônibus para levar o pessoal até o ponto de largada chegaram. Havia ônibus para os que iriam participar da corrida de 5 Km e para a corrida de 16 Km. Fazia tempo que não andava de ônibus escolar. Entrei rapidinho para conseguir um lugarzinho para sentar. Logo o ônibus partiu. À medida que seguia pelo percurso ia me dando conta da tamanha distância que teria que percorrer. Marquei o tempo, e de ônibus levou 25 minutos.

Chegamos ao ponto de partida, na Praça Central de Antônio Carlos. Era a primeira vez que eu passava por ali. Encontrei com praticamente todos os amigos: Renato, Mário, Sérgio, Nilton, Paulo e o Diego de Joinville. Largamos próximo das 10hs com um tempo fechado, mas muito bom pra corridas longas.

Larguei bem tranqüilo, pois sabia que se forçasse muito no começo ia faltar perna no final. Os primeiros 2 Kms foram mais pra aquecer. Depois, como estava me sentindo bem consegui levar até o 7o. KM em um ritmo bom, até pegar algumas subidinhas mais puxadas, que elevou o meu pace pra 5:30 min/Km. Retomei o ritmo e consegui seguir bem até o 10o. Km. Aí começou a bater um pouco do cansaço. As pernas começaram a ficar mais pesadas, e o ritmo acabou caindo. Queria chegar bem no final da prova, por isso nem me esforcei para mantê-lo. A medida que os Kms finais iam chegando iam começando outros desgastes... sede, bolhas no pé, até o sol resolver querer sair. Mas ainda bem que faltava pouco. E quando já estava nos últimos 2 Km, eis que surge um trecho de paralelepípedo para dificultar mais um pouquinho a corrida. A essa altura, as passadas não estavam mais tão limpas e fáceis como antes, e o medo de torcer o pé era grande. Desisti de tentar um sprint final pra não correr o risco de não chegar e fui me mantendo até o final da prova.

A seguir as parciais dos paces por km: 5:19 / 5:18 / 4:43 / 4:49 / 4:56 / 4:29 / 5:30 / 4:36 / 4:51 / 4:43 / 5:43 / 5:43 / 4:00 / 3:49 / 4:42 / 5:47.

A chegada foi na INPLAC, em Biguaçu. Consegui fechar o percurso em 1h19min03s. Pretendia fechar os 16 Km em menos de 1h25min. Embora o percurso tivesse apenas 15,62 Km gostei do tempo que acabei fazendo.

A corrida foi desgastante. Na chegada tomei muita água e não consegui comer nada. Peguei a medalha e depois foi oferecido um almoço de massas durante a entrega da premiação.

Destaque: Sebastião (3o. lugar na categoria masculino dos 5 Km)

Esperando a chegada do ônibus

Praça central de Antônio Carlos / SC - Local da largada

Eu, Paulo e o Nilton ainda inteiros

Fila pra tirar a água do joelho

Largada: Mário, eu, Diego e o Renato

No meio da estrada

Diego, Sebastião e eu

Data: 11/07/2010 - Hora: 8h30min

Local: Praça Central de Antônio Carlos até a INPLAC em Biguaçu - Antônio Carlos / Biguaçu - SC
Distância: 16Km (15,61 Km)

Inscrição: R$ 25,00
Kit: camiseta e número do peito

Tempo: 1h19min03s
Pace: 5:04 min/Km

Colocação: 13 de 16 (categoria 40-44)
Colocação: 131 de 180 (geral)



Escrito por Eduardo Hanada às 18h06
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




IV Corrida Rustica pela Paz - Florianopolis / SC

IV Corrida Rustica pela Paz - Florianopolis / SC

 

A Corrida pela Paz é uma corrida com o objetivo de promover a paz e combater os vícios ruins, como as drogas:  “NO DROGAS”. O 1o. LUGAR NO PÓDIO É UMA VIDA SEM DROGAS. Se for pra viciar, que vicie nas corridas, nas medalhas, nas fotos e nas boas amizades !!!

Essa corrida como eu havia dito, foi uma festa. Uma das corridas que mais reúne atletas na grande Florianópolis, transmitindo a mensagem de paz, otimismo e esperança, incentivando a substituição das DROGAS pelo esporte !!! Participaram da corrida mais de 550 atletas.

Todos os participantes ganharam camiseta, obrigatória para a corrida. Novamente registro a divulgação do horário errado para a retirada do kit, o que provocou uma certa fila e demora na Loja  Centauro do Shopping Beiramar. Eu mesmo tive que esperar mais de 1 hora e meia.  

Praticamente a turma toda chegou bem cedo, garantindo as vagas pra estacionar o carro perto. Todos os amigos de corrida devidamente inscritos. Até o Nilton e a Laura, que não puderam participar da corrida efetivamente vieram prestigiar os amigos e a própria Corrida pela Paz. Muito legal. Aposto que o Nilton ficou morrendo de vontade de correr também. Mas logo ele estará correndo conosco novamente.

Tempo excelente para correr, sem chuva, sem vento e um solzinho bem simpático. Lá ia eu de novo correr para abaixar o meu tempo de 50 minutos nos 10 Km. E de novo o percurso não tinha 10 Km. Como o nosso amigo Renato comentou, isso quebra qualquer estratégia de corrida. Nesse caso ela nem chegou aos 8 Km (7,91 Km pelo mapmyrun).

Depois dos nossos tradicionais encontros com os amigos e as tradicionais fotos pré-largada fomos para a largada. Dessa vez foi bem pontual, 8h30min. Eu ainda nem estava preparado e acabei me complicando e ligando errado o sportband (depois fiquei sem referência de distância). Como tinha bastante gente, decidi largar mais na frente pra não ficar tão preso. Até que foi bom, e acho que adotarei essa estratégia para as  próximas corridas. O bom é que a gente se sente livre com pouca gente na frente, mas o ruim é que depois todo mundo vai passando...

 A corrida não tinha as placas de kilometragem por isso nem consegui marcar os tempos parciais. Sai como sempre meio forte, e depois de uns 2 Km já tive que dar uma reduzida. Apesar dos vários pontos de hidratação nem peguei copo de água para não perder tempo. Na primeira metade da prova, como havia largado mais na frente, perdi várias posições. Na segunda metade já estava mais estável e tive poucas alternâncias de posição.

Eu, o Renato e o Sérgio vivemos nos encontrando no meio das corridas. Acho que estamos com as performances muito semelhantes, só dependendo de como estamos fisicamente no dia. Mas o importante mesmo é que nós três estamos abaixando os tempos. Dessa vez, eu e o Sérgio corremos lado a lado praticamente por quase toda a corrida. Chegamos juntos até o sprint final para buscarmos alguns atletas a nossa frente, mas aí meu gás acabou e ele continuou um pouco mais. Mas valeu, passamos uns 3 ou 4 antes da chegada. Só não achei legal um deles ter me passado no funil, ciente e na cara dura. Pelo menos não era da categoria.

Cheguei bem mortinho. Já sabia que não tinha dado 10 Km, mas para minha surpresa ao cravar o cronômetro vi o tempo: 36min48s. Muito baixo para quem esperava chegar próximo dos 50min. Pelo tempo desconfiava que não tinha nem 8 Km. E conferindo com o GPS do Mário, que apontou 7,8 Km e o Mapmyrun, que apontou 7,91 Km, tiramos a dúvida. Independente disso gostei muito do pace nessa corrida, 4:39 min/Km.

Após a chegada, copos e copos de água, muitas frutas, medalha e muitas fotos com os amigos que iam chegando. Registro de toda a turma com as suas medalhas. Estava completada mais uma corrida, e dessa vez com a turma toda. Valeu galera e até a próxima.

Destaques: Pódio do Bruninho (campeão da categoria infantil), Sebastião (2o. lugar na categoria masculino), Sueli (1o lugar na categoria feminina), Delani (3o lugar na categoria feminina).

 

Corrida Pela paz - No drogas - 10 Km

Todos levando uma mensagem de PAZ

O visual da ilha é fantástico

Eu e o Sérgio lado a lado durante quase toda a corrida

Falta pouco

A turma toda já devidamente com as suas medalhas

Data: 27/06/2010 - Hora: 8h30min

Local: Beiramar norte - Florianopolis / SC
Distância: 10Km (7,91 Km)

Inscrição: gratuita (1Kg alimento)
Kit: camiseta e número do peito

Tempo: 36min48s
Pace: 4:39 min/Km

Colocação: 15 de 40 (categoria 40-44)
Colocação: 151 de 526 (geral)



Escrito por Eduardo Hanada às 17h58
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]


[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]


 



Meu perfil
BRASIL, Sul, Homem, de 36 a 45 anos, Portuguese, English, Esportes
MSN -
Histórico
    Outros sites
      Minha vida de Corredor Eduardo Hanada (www.ehanada01.zip.net)
      ACORSJ
      Ativo
      Cronoserv
      Chiptiming
      Fotos Foco Radical
      Corridas em Santa Catarina
      Mapmyrun
      Erunner
      Calculos e indices
      Blog Enio Augusto
      Blog Guilherme Preto
      Blog Fausto Egidio
      Blog da Helena Vidal
      Blog Renato Ventura
      Blog Sebastião Santos
      Blog Fabio Namiuti
      Blog Eq Praia do Caldeirão
      Blog Diego da Costa
      Blog Egomar
      Blog Dyego de Campos
      Blog do Toto
      Corridas de Rua
      Runner´s World
      Sul Brasilis
    Votação
      Dê uma nota para meu blog